Sistema Fotovoltaico

Como funciona o Sistema de Energia Fotovoltaica?

1.

O Painel Solar gera a energia solar fotovoltaica;

2.

O Inversor Solar converte a energia solar para a sua casa ou empresa;

3.

A Energia Solar é distribuída para a sua casa ou empresa;

4.

A Energia Solar é usada por utensílios e equipamentos;

5.

O excesso de energia vai para a rede da distribuidora gerando créditos.

O Efeito Fotovoltaico funciona da seguinte forma: Os painéis solares coletam a luz do sol e geram energia elétrica que é levada até o inversor solar, onde ocorre a conversão do tipo de corrente (de continua para alternada) e então a energia é distribuída para sua residência ou comércio para ser usada.

Economize

Economia de até 95% na sua conta de luz. Pague sempre o mínimo.

Valorização do Imóvel

A valorização do seu imóvel é imediata. Uma residência ou ponto comercial podem ter mais valor pois se tornam mais atrativas ao gerar sua própria energia.

Invista

A Energia Solar é um investimento com alto retorno financeiro. A economia na conta de luz paga o financiamento. Quitado o investimento resta apenas o LUCRO.

Fonte Inesgotável

O sol é uma fonte de energia inesgotável. Pode ser explorada inclusive em dias nublados ou chuvosos.

Durabilidade

Os equipamentos duram aproximadamente 25 anos. Serão muitos anos sem os aumentos constantes da energia e cobranças tarifárias.

Galeria de Imagens

Perguntas mais frequentes.

A energia solar fotovoltaica é a geração de energia elétrica através da luz do sol, quando através de um sistema fotovoltaico, o consumidor pode abastecer todo o consumo elétrico de sua casa ou empresa.

Agindo como um grande reator nuclear natural, o sol libera a cada instante pequenos pacotes de energia, chamados fótons, que percorrem aproximados 150 milhões de quilômetros, em cerca de 8,5 minutos, para chegar a Terra.

A cada hora, a quantidade de fótons que atinge nosso planeta seria capaz de gerar energia suficiente para, teoricamente, satisfazer as necessidades energéticas globais por um ano inteiro.

No entanto, a porcentagem de participação da energia solar na geração elétrica mundial ainda é ínfima.

Mas conforme a tecnologia vai evoluindo e seus custos vão reduzindo, a nossa capacidade de aproveitar a abundância energética do sol vai aumentando.

Segundo os relatórios anuais da Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) a energia solar se tornou a fonte de energia, renovável ou não, que mais cresce no mundo.

Nos próximos anos, todos estaremos aproveitando os benefícios da eletricidade gerada por energia solar, de uma forma ou de outra.

O excesso de energia vai para a rede da distribuidora gerando créditos!

1- O excesso de eletricidade volta para a rede elétrica através do relógio de luz (relógio de luz bidirecional). Esse relógio de luz mede a energia da rua que é consumida quando não tem sol e, a energia solar gerada em excesso quando tem muito sol e é injetada na rede da distribuidora. A energia solar que vai para a rede vira “créditos de energias” para serem utilizado de noite ou nos próximos meses. Em outras palavras: você produz energia limpa com a luz do sol e reduz a sua conta de luz!! – Cada distribuidora de energia tem as suas regras e as exigências para conectar o seu sistema de energia solar fotovoltaica na rede elétrica e, variam bastante.

 

2 – O seu relógio de luz antigo vai ser substituído por um relógio de luz novo que é “bidirecional” (mede a entrada e a saída de energia ). Desta forma ele será capaz de medir a energia que você consome da rede elétrica e medir também a energia gerada em excesso pelo seu sistema fotovoltaico que é injetada na rede assim gerando “créditos de energia”.

 

3 – Os “Créditos de Energia” são medidos em kWh. Para cada kWh gerado em excesso pelo seu sistema solar fotovoltaico você recebe 1 crédito de kWh para ser consumido de noite ou nós próximos meses. Esse crédito é contabilizado pelo seu novo relógio de luz bidirecional e é medido pela sua distribuidora de energia. Desta forma, no final do mês quando você receber a sua conta de luz, você vai ver quanto de energia consumiu da rede e quanta energia injetou na rede. Se injetar mais na rede do que consumiu você terá créditos de energia para serem usados nos próximos meses.

 

4 – Os créditos de energia são regulamentados pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) possuindo regras específicas que variam de acordo com a sua localização e sua classe de consumo (residência, comercial ou industrial).

A energia que sai do inversor solar vai para o seu “quadro de luz” e é distribuída para sua casa, empresa ou indústria, e assim reduz a quantidade de energia que você compra da distribuidora.

A energia solar pode ser usada para TVs, Aparelhos de Som, Computadores, Lâmpadas, Motores Elétricos, ou seja, tudo aquilo que usa energia elétrica e estiver conectado na tomada.

Os painéis Fotovoltaicos tem vida útil de 25 anos com 80% de potência de saída.

A limpeza de módulos fotovoltaicos depende muito da região. Em alguns estados, cuja umidade do ar é mais baixa, a poeira tende a subir mais, danificando um pouco a captação das placas.

  Elas devem ser limpas frequentemente, quando se notar que existe muita poeira obstruindo a radiação solar. Pode-se usar pano úmido ou ainda produtos específicos.

Reduz em até 95% a sua conta de luz

Valorização do seu imóvel 

Energia infinita

Baixíssima necessidade de manutenção 

Retorno do investimento de 2 a 6 anos 

Redução de poluição das taxas de carbono 

Sustentabilidade 

Obtenção de tecnologia de ponta.

Open chat